Pesquisar neste blog temas do seu interes

domingo, 17 de agosto de 2014

EBOLA NO BRASIL, PREVENÇÃO URGENTE



Carlos Portela compartilhou um link.

sexta-feira, 11 de abril de 2014 EBOLA NO BRASIL : É URGENTE O ISOLAMENTO DE BRASILÉIA (AC) ! Carlos Portela
Isso foi em Abril, quando tinha ocorrido poucos casos de morte na Africa, e agora que já morreram mais de mil, o que fazer ????????

No início de Abril, divulguei sobre o risco que está tendo o Brasil, em relação ao Virus Ebola, http://cportela.blogspot.com.br/2014/04/ebola-no-brasil-e-urgente-o-isolamento.html 
Acontece que nem na época e nem depois, foram tomadas providência de prevenção da entrada desenfreada de estrangeiros, principalmente de origem africana, de onde está a origem do ebola, ontem dia 13 de agosto já tinha vitimado 1.145 na Africa Ocidental, na Nigéria também já chegou o vírus e já aconteceram várias mortes.
O acre, através de Assis Brasil, Brasiléia e Epitaciolândia, são portas de entradas dos Haitianos e de outros Africanos, que de 2010 ao inicio de abril de 2014 entraram 18.300 haitianos e que de Abril de 2013 a Abril de 2014 entraram em média 1.500 de origem africana não haitianos, inclusive uns 10 nigerianos.
Nossa fronteira acreana, corre sim o risco de contrair o vírus do ebola, haja vista que esses africanos continuam entrando no Brasil sem realizarem exames de saúde, atualmente eles chegam em Assis Brasil em um dia, Vêm para Brasiléia e em um ou dois dias já estão no abrigo em Rio Branco e dai para o interior do Brasil. Dos 20.000 estrangeiros que entraram no Brasil através de apoio do Governo Brasileiro, nem em 2.000 foram realizados exames e desses foi grande o número de casos de HIV, Hepatites, etc. E o pior de tudo é que não foi divulgado o resultado dos exames e continuam apoiando a entrada desenfreada, principalmente de haitianos em uma atitude que coloca nossa população em riscos. Atualmente chegam em média 40 diariamente, e até estão pensando em melhorar a recepção dos mesmos, inclusive fazendo um abrigo em Assis Brasil. Esta semana não foi verificado nenhum tipo de controle na área de saúde para com os mesmos. Inclusive os não haitianos continuam chegando no abrigo em Rio Branco, de forma clandestina.

Ads by Revenue Hits